E finalmente conheci!
Sempre quis ir esta aldeia em Castelo Branco, é sem sombra de dúvida a terra dos Flinstones!
Pedras sobre pedras a fazer de casas, é caso para dizer que é uma aldeia da idade da pedra.
Monsanto fica a 15km de Idanha-a-Velha.
Sim! Também existe um Monsanto em Lisboa mas não é esse!

Monsanto, tal como a Idanha-a-Velha,  é considerada uma das aldeias histórias de Portugal, diria eu e não só, que é a mais portuguesa das portuguesas.
Desde a época do Paleolítico, esta terra foi doada por D. Afonso Henriques
à Ordem dos Templários, após a sua conquista aos mouros em 1165.
E naquela altura, não podia faltar um castelo tal como o pelourinho, mas a esse já lá vamos.

O castelo fica no ponto mais alto da colina como qualquer outro castelo mas este… está a 758 metros de altura!
Dizemque pode ter sido construído em 1165, durante o reinado de
D. Afonso Henriques. Mas dizem!
Porque não existe nenhuma informação concreta sobre a sua origem.
No castelo pode-se ver a Torre de Menagem e a Capela da Nossa Senhora do Castelo.
Ora bem, para lá chegar podem-se fazer dois caminhos,
a pé pelos caminhos de pedra pelo interior da aldeia ou ao estilo Hércules, onde se trepam calhaus, reza-se para lá chegar, pedimos ajuda aos santinhos, diz-se alguns palavrões mas… tem uma vista invejável.
Nesse caminho mais aventureiro, vêm-se  menires gigantes,
uma capela e a necrópole de São Miguel.

A capela esta fechada, apenas se pode espreitar pelas grades, que tapam a entrada.
Já a Necrópole, está a céu aberto.
É possível ver sepulturas perfeitamente preservadas, esculpidas nas rochas com o formato do corpo ao qual eram destinados.
Mesmo ao lado deste tesouro, podemos ver a laje das Treze Tigelas ou as Tigelinhas da Fidalga, como queiram chamar.
São diversos buracos pouco profundos que derivam de uma erosão, que deforma as pedras.
Chama-se meteorização química que é um processo geológico.
Mas… a lenda é bem mais interessante, na altura atribuíram esta origem estranha, a uma senhora da nobreza que ali servia sopa aos pobres, vai dai deram o nome as Tigelinhas da Fidalga.
E no largo do pelourinho como não podia faltar, encontramos esta Igreja que já vem do
século XVI, no seu interior tem três altares, uma imagem de São Pedro e o
ciclo da Paixão de Cristo.

Na fachada com Nossa Senhora e o menino nos braços de cada lado tem duas pequenas janelas.
Ao seu lado temos a Torre do Galo e não é que o galo é de prata!
Este galo foi prémio de um concurso em 1938 por 
Abel Pereira da Silva.
Num só fim-de-semana, visitei Vila velha de Ródão, Idanha-a-Velha, Castelo de Almourol e vila nova da barquinha.
Terminei a minha viagem aqui em Monsanto e gostei muito!


Coordenadas GPS
N 40º 02`28″ | W 7º 6`50″


Sugestões

– Levar calçado confortável e aderente!
Facilmente, se vai de rabo ao chão

– As temperaturas são elevadas, portanto levar chapéu e protector solar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

error: Content is protected !!